Fale conosco pelo WhatsApp

Quais são os cuidados após a Cirurgia Mastopexia?

Antes e depois de uma cirurgia de mastopexia
28 abr, 2020

A cirurgia de mastopexia é um procedimento realizado para levantar as mamas, removendo o excesso de pele e reposicionando o tecido mamário e a aréola. Trata-se de uma cirurgia voltada para as pacientes que desejam melhorar a simetria das mamas.

A cirurgia de mastopexia figura entre as mais realizadas do Brasil. De acordo com um estudo produzido pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), 11,3% das cirurgias feitas em 2018 tiveram como objetivo o levantamento das mamas.

No processo entre a decisão pelo lifting de mamas — como a cirurgia de mastopexia também é chamada — e o resultado definitivo, existe uma fase que gera diversas dúvidas nas pacientes: a recuperação. Por esse motivo, o cirurgião plástico Dr. Paolo Rubez esclarece a seguir quais são os cuidados após a cirurgia de lifting de mamas. Confira!

Cirurgia mastopexia: o que fazer no pós-operatório

O cirurgião plástico acompanha de perto todas as fases da cirurgia de mastopexia para garantir o melhor resultado possível. No entanto, a etapa de cuidados após o procedimento é a que mais necessita da participação da paciente.

Isso acontece porque o lifting de mamas, como toda cirurgia, representa uma intervenção de grande porte no corpo, deixando a região operada mais inchada e sensível. Por conta disso, é fundamental que a paciente esteja ciente de seu papel e preparada para seguir à risca todas as recomendações feitas pelo cirurgião plástico para obter um resultado mais satisfatório.

Durante o período pós-operatório a paciente deverá fazer uma série de adaptações em sua rotina. Os principais cuidados necessários após a cirurgia de lifting de mamas são:

Cuidados no dia a dia

A paciente deve ficar atenta a qualquer esforço brusco, principalmente envolvendo os braços. O ideal é não os levantar acima do nível dos ombros por 15 dias. Também vale a pena evitar subir escadas e fazer caminhadas longas nos primeiros 30 dias da cirurgia.

O uso do sutiã cirúrgico é outro cuidado que a paciente deverá ter durante o primeiro mês do pós-operatório. É necessário utilizá-lo por 24 horas para reduzir o inchaço, modelar e sustentar as mamas.

Além disso, no decorrer do dia a paciente deve evitar a exposição solar para que isso não interfira negativamente na cicatrização. O recomendado é reduzir o contato com a radiação solar durante três meses.

Durante o descanso noturno, é importante se atentar com a posição para se deitar. No decorrer do primeiro mês após a cirurgia de mastopexia o indicado é dormir com a barriga para cima, evitando deitar-se de lado ou com a barriga para baixo. Outros cuidados que devem ser incluídos na rotina são:

  • Não manter relações sexuais por 15 dias;
  • Ficar de repouso absoluto por cerca de 10 dias;
  • Massagear as mamas 4 vezes por dia, no mínimo;
  • Voltar a dirigir após 40 dias da cirurgia de lifting de mamas;
  • Ficar sentada ou deitada com a cabeceira da cama elevada a 30° durante 24 horas.

Cuidados com o estilo de vida

Alguns hábitos de vida precisam ser adaptados para que a recuperação da cirurgia de mastopexia seja bem-sucedida. Uma das principais mudanças diz respeito à alimentação.

Durante o período pós-cirúrgico é fundamental que a paciente mantenha uma alimentação equilibrada, dando preferência às frutas, legumes e carnes vermelhas e evitando frituras, doces, refrigerantes e bebidas alcoólicas.

Para as pacientes que praticam atividade física é preciso retomar o hábito de maneira gradativa. É liberado fazer exercícios leves depois de 21 dias, enquanto os exercícios mais pesados só podem ser retomados após 60 dias.

Também é importante ressaltar que o tabagismo pode prejudicar a cicatrização da cirurgia de lifting de mamas, além de seu conhecido impacto na saúde em geral. Por isso, a paciente fumante deve suspender o hábito por pelo menos 30 dias e, se possível, manter a suspensão indefinidamente para garantir uma recuperação melhor e mais qualidade de vida.

Geralmente, o retorno para o trabalho é liberado em até duas semanas após a cirurgia de mastopexia. O processo de cicatrização costuma ser mais longo, podendo ser concluído em até um ano. Caso queira saber mais sobre os benefícios do procedimento, entre em contato e agende uma consulta com o Dr. Paolo Rubez.

Fontes:

Clínica de Cirurgia Plástica Dr. Paolo Rubez;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP);

International Society of Aesthetic Plastic Surgery (ISAPS);

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – Regional São Paulo (SBCP-SP).

Sobre o autor
Formado na Escola Paulista de Medicina / Unifesp, é especialista em cirurgia plástica e cirurgia da enxaqueca. Além disso, passou por sete estágios em Cleveland, nos EUA, na University Hospitals, para se aprimorar em Rinoplastia.