(11) 3849-1042 (11) 99687-5070 contato@drpaolorubez.com.br
Fale conosco pelo WhatsApp

Otoplastia: O que é e quando é indicada?

Revisado por: Dr. Paolo Rubez CRM/SP: 124773 - 17 de dezembro de 2019

Otoplastia: O que é e quando é indicada?

A cirurgia de correção das orelhas proeminentes é mais comum do que parece. A indicação da otoplastia pode ocorrer com o paciente ainda criança, a partir dos sete anos, mas é comumente realizada na adolescência.

Nesta fase, todas as questões relativas à imagem são de extrema importância, e é justamente nesse momento que esses adolescentes e seus tutores procuram um cirurgião plástico para obter a indicação da otoplastia.

Para tornar o entendimento sobre a otoplastia e indicação do procedimento mais simples, veja algumas informações acerca do tema cedidas pelo cirurgião plástico Dr. Paolo Rubez.

O que é otoplastia?

De forma simplificada, a otoplastia é a cirurgia plástica para correção da orelha de abano — denominação popularizada para o problema de orelhas proeminentes. O procedimento cirúrgico colabora na melhoria do aspecto das orelhas, que podem ter se desenvolvido de forma desproporcional ao rosto, ou com um formato irregular.

Esta é uma situação congênita, ou seja, conforme o bebê cresce já é possível identificar se as orelhas estão ficando muito distantes da cabeça ou em formato fora do padrão.

Otoplastia: qual a indicação?

Para saber quando é indicada a otoplastia, é importante que os tutores da criança ou do adolescente procurem por um cirurgião plástico devidamente certificado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Por mais simples que o procedimento seja, ele deve ser realizado por alguém que atue com cirurgia plástica para que o resultado da plástica na orelha seja efetiva, ou seja, atenda às expectativas do paciente.

A indicação para otoplastia ocorre quando a orelha realmente apresenta inconformidade com o restante da face. A indicação pode ocorrer a pacientes ainda crianças — a partir dos sete anos de idade —, quando a cartilagem da orelha para de se desenvolver e atinge o formato que o acompanhará, supostamente, pelo resto da vida.

Indicação de otoplastia: Mulher com a mão na orelha

Imagem: Shutterstock

Como é feita a cirurgia de correção da orelha de abano?

Quando o paciente tem a indicação da otoplastia, ele precisa se preparar para entrar em um centro cirúrgico. Antes de se submeter a cirurgia, será necessária uma série de exames para garantir a segurança do paciente.

Com todos os exames em ordem e o aval para o procedimento, no dia da cirurgia o paciente deve estar em jejum de até oito horas e acompanhado do tutor ou dos pais. Por se tratar de um procedimento rápido — que demora cerca de 1h30 a 2h — é comum a utilização da sedação com a complementação de anestesia local.

A cirurgia consiste em uma incisão em posição vertical na parte posterior da orelha. Esse corte permitirá ao cirurgião descolar parte da pele da cartilagem e promover a remodelação do formato, do ângulo e demais irregularidades.

Retirado o excesso de cartilagem e de pele, é feita a sutura e o cirurgião coloca uma faixa (no caso das crianças, um curativo em formato de capacete) para que não ocorra a movimentação. Uma vez que a cartilagem tem memória, é preciso que ela fique imobilizada para não retornar ao estágio de antes da cirurgia.

A alta hospitalar ocorre no mesmo dia, sendo necessários cuidados apenas com a higienização e o uso da faixa compressora para manter a orelha mais próxima da cabeça e fazer com que ela assuma a nova posição por definitivo.

Tempo de recuperação após a indicação da otoplastia

O tempo de recuperação não é superior a 30 dias. O uso da faixa de compressão pode ser indicado por até três meses, sendo que esse período é variável a cada paciente.

No mais, passados sete dias da cirurgia de correção da orelha de abano, o paciente pode retornar as atividades laborais e/ou escolares. A prática de exercícios físicos é liberada após 30 dias da cirurgia.

A otoplastia tem riscos mínimos de complicação e é considerada uma cirurgia simples. Caso tenha interesse e precise da indicação da otoplastia, agende uma consulta com o Dr. Paolo Rubez.

Fonte:

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP);

Revista Brasileira de Cirurgia Plástica;

Dr. Paolo Rubez.