(11) 3849-1042 (11) 99687-5070 contato@drpaolorubez.com.br
Fale conosco pelo WhatsApp

Saiba o que é Frontoplastia

Revisado por: Dr. Paolo Rubez CRM/SP: 124773 - 3 de dezembro de 2019

Saiba o que é Frontoplastia

A frontoplastia é o nome dado a cirurgia de suspensão de supercílios e das sobrancelhas. Denominada ainda de lifting frontal, é capaz de promover o rejuvenescimento do terço superior da face, compreendido pela testa e a região dos olhos.

A técnica de frontoplastia é pouco difundida, pois é mais comum a indicação do lifting facial — cirurgia plástica que elimina as rugas, a flacidez e a papada em um único procedimento. Existe certa similaridade entre os procedimentos, saiba quais são a seguir.

Frontoplastia

A frontoplastia consiste na eliminação das rugas e das linhas de expressão localizadas na testa, glabela e no reposicionamento das sobrancelhas. Tais efeitos são comuns ao processo de envelhecimento e, mesmo que o paciente tenha todos os cuidados relativos à saúde e jovialidade da pele, a flacidez e as marcas surgem.

Quando é indicada a cirurgia de lifting frontal?

Pacientes que já se submeteram a diversos tratamentos estéticos como peelings, Botox® e uso de preenchedores com ácido hialurônico e querem partir para um procedimento de resultado efetivo e duradouro, podem se submeter a frontoplastia. A idade também é fator determinante à indicação da cirurgia plástica da testa.

Pacientes com mais de 40 anos e com elevado grau de envelhecimento também têm indicação para a realização da plástica de suspensão das sobrancelhas e do supercílio.

Cuidados antes da frontoplastia

Assim como em qualquer cirurgia plástica, antes de o paciente entrar em centro cirúrgico são necessários alguns cuidados. Os mais importantes deles são os exames laboratoriais e de imagem para detecção de fatores de risco.

O cirurgião plástico solicitará os seguintes exames:

  • Hemograma completo;
  • Eletrocardiograma;
  • Urocultura;
  • Coagulograma;
  • Entre outros.

Eliminado os fatores de risco, é chegada a hora de marcar a frontoplastia.

Frontoplastia: Lifting facial

Imagem: Shutterstock

Passo a passo do lifting frontal

Por se trabalhar efetivamente na região da testa, glabela e das sobrancelhas, a frontoplastia tem duração média de quatro horas e o paciente deve estar sob o efeito da anestesia geral.

A incisão é feita na testa, bem rente ao couro cabeludo, região em que ficará localizada a cicatriz da plástica facial. Para remover as rugas é manipulada a musculatura da testa (sendo necessário descolar a pele do músculo) e, posteriormente, removida a pele excedente e feita a sutura.

Na plástica as sobrancelhas são reposicionadas pelo cirurgião plástico, fazendo com que elas fiquem mais arqueadas e em posição que restaura a jovialidade ao olhar do paciente.

Devido ao uso da anestesia geral, pode ser indicado ao paciente passar 24 horas internado após a frontoplastia, para a prevenção de qualquer intercorrência.

Cuidados no pós-operatório

É fundamental o paciente contar com o apoio de uma pessoa durante os 15 dias após o lifting frontal. Ela deverá não se esforçar, alimentar-se de forma correta e pode vir a ser necessário ajuda na higienização da sutura.

Para diminuição de hematomas e edemas, o cirurgião plástico pode indicar o uso de compressas frias e sessões de drenagem linfática pós-cirúrgica. No mais, os cuidados necessários no pós-operatório da frontoplastia são:

  • Não praticar exercícios durante 30 dias;
  • Passar por todas as consultas de retorno com o cirurgião plástico;
  • Tomar a medicação prescrita pelo médico;
  • Não se expor ao sol, e se for necessário, fazer uso de protetor solar, chapéu ou boné;
  • Dormir com o dorso levemente elevado e com a cabeça reta, evitando contato do travesseiro com os pontos.

Tempo de recuperação e resultado

Para que o paciente volte a rotina em sua totalidade, são necessários 30 dias. Passados 15 dias da cirurgia de lifting frontal os resultados do procedimento já se mostram presentes. Entretanto, para que o paciente se recupere de forma total — isto é, o inchaço desapareça e o organismo complete o ciclo de cicatrização — pode vir a ser necessário 12 meses.

O tempo pode variar entre os pacientes, pois cada organismo tem seu período de recuperação. O resultado do lifting frontal é: a testa e a glabela sem a presença de rugas, expressão mais jovial e descansado.

É importante evidenciar que a frontoplastia não é capaz de impedir a ação do envelhecimento comum ao ser humano. Logo, para que se torne um procedimento duradouro, é necessário que o paciente tenha uma rotina de cuidados diários com a pele da face e não abra mão de procedimentos estéticos que auxiliam nesses cuidados.

Fontes:

Academia Brasileira de Cirurgia Plástica da Face;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).