Fale conosco pelo WhatsApp

Matéria na Revista Encontro com Dr. Paolo Rubez – Enxaqueca pode ser tratada com cirurgia, sabia?

10 outubro, 2017 Por:

Procedimento inovador foi criado nos Estados Unidos no ano 2000

Poucas pessoas sabem, mas existe uma cirurgia para tratar a enxaqueca. Ela foi desenvolvida pelo cirurgião plástico Bahman Guyuron, da cidade de Cleveland, nos Estados Unidos, no ano 2000. Desde então, diversas equipes médicas ao redor de todo o mundo realizam este tipo de tratamento para o problema sério, que atinge a qualidade de vida de milhões de pessoas em todo o mundo.

De acordo com o cirurgião plástico Paolo Rubez, da clínica MedPrimus, em São Paulo existem quatro principais tipos de cirurgia para migrânea, dependendo do local de início das dores de cabeça. Apesar disso, o princípio é o mesmo: descomprimir e liberar os ramos do nervo trigêmeo que são irritados pelas estruturas adjacentes ao longo de seu trajeto. “Para cada um dos tipos de dor existem acessos diferentes para tratar os ramos do nervo, sendo todos nas áreas superficiais da face ou couro cabeludo, ou ainda na cavidade nasal. Cada cirurgia foi desenvolvida para gerar a menor alteração possível na fisiologia local”, esclarece o especialista brasileiro.

Veja a matéria completa em: Revista Encontro

Dr. Paolo Rubez

Dr. Paolo Rubez

Cirurgião Plástico
CRM/SP: 124.773
RQE: 38.994
Formado pela UNIFESP, o cirurgião plástico Dr. Paolo Rubez coloca em prática toda a sua experiência em cirurgias estéticas, além de colaborar na disseminação da cirurgia de combate a enxaqueca, técnica em que é pioneiro no Brasil

Ao clicar em enviar os dados, você concorda com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE