Fale conosco pelo WhatsApp

Blefaroplastia superior: como é feita e para quem é indicada?

4 novembro, 2021 Por:

Procedimento pode tanto ter finalidade estética quanto funcional. Saiba quando pode ser realizado

A blefaroplastia é um procedimento cirúrgico que consiste na retirada do excesso de pele e gordura e corrige a flacidez. Ela pode ser feita nas pálpebras superior e inferior ou em ambas. Neste texto, vamos falar sobre a blefaroplastia superior.

Para quem é indicada a blefaroplastia superior

Normalmente, a blefaroplastia superior é recomendada para pessoas acima dos 40 anos, devido ao aparecimento dos sinais de envelhecimento como consequência da perda da elasticidade da pele. Além de remover o excesso de gordura e pele, com a blefaroplastia superior é possível subir as pálpebras e as sobrancelhas.

Há casos em que a blefaroplastia pode ser realizada em pessoas mais jovens, principalmente quando a queda das pálpebras está relacionada a fatores genéticos.

Porém, o procedimento não rejuvenesce o rosto de maneira geral, mas abre o olhar, fazendo com que a fisionomia pareça menos cansada, além de corrigir problemas de visão causados pelo excesso de pele. A blefaroplastia superior também pode melhorar o contorno dos olhos quando estes têm um formato caído.

Como é feita a blefaroplastia superior

Para realizar a operação, o cirurgião deve considerar cuidadosamente o formato natural dos olhos do paciente e o que e quanto retirar ou não. A cirurgia demora entre 40 minutos e uma hora, geralmente não sendo necessária internação. Durante o procedimento, o cirurgião delimita o local em que será feita a cirurgia.

Em seguida, faz pequenas incisões nessa área e retira o excesso de pele, gordura e músculo. Por fim, ele costura a pele e aplica suturas absorvíveis ou adesivos que se colam na pele e não causam dor.

A cicatriz fica escondida nas dobras da pele ou sob os cílios, não ficando visível. É necessário aguardar pelo menos três meses para o amadurecimento da cicatriz. Após esse período, ela pode ser disfarçada com uma maquiagem leve, caso o paciente sinta necessidade.

Os pontos são removidos em até oito dias e os resultados podem ser vistos após 15 dias. Porém, o efeito definitivo pode demorar até um ano para ser observado.

Pré-operatório da cirurgia

Assim como em qualquer outro tipo de procedimento cirúrgico, a blefaroplastia superior exige atenção antes da cirurgia. Os cuidados pré-operatórios incluem a realização de exames específicos que visam avaliar se o paciente apresenta condições de saúde para se submeter ao procedimento e identificar possíveis alterações que possam comprometer a recuperação do paciente ou o resultado da operação.

Previamente à blefaroplastia superior também pode ser necessário suspender ou ajustar medicamentos de uso contínuo, parar de fumar 30 antes do procedimento e evitar fármacos que prejudicam a cicatrização.

Cuidados no pós-operatório

O processo de recuperação da blefaroplastia superior costuma ser tranquilo e demorar cerca de duas semanas. Nesse período, é recomendado que o paciente:

  • Faça compressas frias sobre os olhos para reduzir o inchaço;
  • Durma de barriga para cima com travesseiro sobre o pescoço e o tronco, mantendo a cabeça mais elevada que o corpo;
  • Utilize óculos de sol;
  • Não use maquiagem ou cremes na região dos olhos nas três primeiras semanas;
  • Evite fazer atividades físicas durante 30 dias;
  • Higienize o local com água e sabão neutro;
  • Evite coçar os olhos;
  • Aplique sempre protetor solar para que as cicatrizes não fiquem escuras;
  • Use as medicações indicadas pelo médico. Em geral, o paciente não sente dor, apenas um leve desconforto, que pode ser aliviado com o uso de analgésicos prescritos pelo cirurgião.

Apesar da blefaroplastia superior ser uma cirurgia segura e com baixo risco de complicações, é comum que a pessoa fique com o rosto inchado e com pequenos hematomas, que geralmente desaparecem em até oito dias após o procedimento.

Embora seja mais raro, o paciente pode ficar com a visão turva e ter um aumento da sensibilidade à luz nos primeiros dois dias. Caso a pessoa note algo anormal que não cessa, é recomendado entrar em contato com o cirurgião.

O paciente pode retomar suas atividades rotineiras, como trabalhar, dirigir e estudar, alguns dias depois da blefaroplastia superior.

Resultados da blefaroplastia superior

A blefaroplastia superior é um procedimento estético que traz um resultado natural e duradouro, além de ser rápida, simples e minimamente invasiva. A aparência de todo o rosto é alterada substancialmente, conferindo um aspeto muito mais jovem após a intervenção.

Porém, vale lembrar que, por mais que o procedimento seja capaz de corrigir imperfeições e sinais de envelhecimento que afetam a região dos olhos, ele não pode brecar o processo natural de envelhecimento. Nesse sentido, para que os resultados da blefaroplastia superior sejam duradouros, é preciso adotar hábitos saudáveis de vida, como cuidar da alimentação, não fumar, praticar atividades físicas e usar protetor solar diariamente.

O resultado da blefaroplastia superior também está relacionado à experiência do cirurgião plástico que fará o procedimento. Assim, é fundamental contar com um profissional habilitado e capacitado. Busque indicações e verifique se o médico possui título de cirurgião pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

O Dr. Paolo Rubez possui a certificação e a experiência necessárias para a realização de um procedimento seguro e eficaz. Entre em contato agora mesmo com a nossa clínica e agende uma consulta.

Fonte

Ministério da Saúde;

Instituto Rubez de Cirurgia Plástica.

Dr. Paolo Rubez

Dr. Paolo Rubez

Cirurgião Plástico
CRM/SP: 124.773
RQE: 38.994
Formado pela UNIFESP, o cirurgião plástico Dr. Paolo Rubez coloca em prática toda a sua experiência em cirurgias estéticas, além de colaborar na disseminação da cirurgia de combate a enxaqueca, técnica em que é pioneiro no Brasil