Tel: (11) 5093-3921 / (11) 96445-1045
Facebook do Dr. Paolo Linkedin do Dr. Paolo Instagram do Dr. Paolo Twitter do Dr. Paolo Canal do Youtube do Dr. Paolo

Antes e depois da cirurgia de mamoplastia

Antes e depois da cirurgia de mamoplastia

A mamoplastia é uma técnica cirúrgica que tem como objetivo moldar, remodelar ou reconstruir os seios do paciente em todas as suas formas: aumentando, reduzindo, elevando ou reconstruindo e ao mesmo tempo preservando a sua morfologia natural.

A mamoplastia pode aumentar o volume dos seios através de próteses de silicone ou enxerto de gordura, e reduzir o volume dos seios através da mamoplastia de redução, que modifica o tamanho da mama do paciente através da remoção de tecido mamário e da pele.

Por que optar por uma mamoplastia?

A mamoplastia é um procedimento que pode ser utilizado para:

  • aumentar os seios que são naturalmente pequenos,
  • restaurar o tamanho e forma do seio após uma gravidez, perda de peso, amamentação ou envelhecimento,
  • simetrizar os seios se eles não são semelhantes,
  • restaurar os seios após uma cirurgia plástica anterior.

A mamoplastia inclui a cirurgia reconstrutiva e a cirurgia estética. A cirurgia reconstrutiva da mama em geral é feita como parte do tratamento contra o câncer de mama.

Alguns estudos científicos já comprovaram que as mamoplastias podem melhorar a autoestima das mulheres, e sua vida sexual.

Recuperação pós-operatório

Qualquer cirurgia mamária exige muito cuidado com a movimentação dos braços no pós operatório. Nos primeiros 15 dias não se deve elevá-los além da altura dos ombros.

Além disto, não se pode fazer força com os braços e nem atividades físicas por pelo menos 1 mês.

É necessário também utilizar sutiens específicos de pós operatório por no mínimo 1 mês também.

Quanto a posição para deitar, é importante não dormir de lado e de bruços até que seu médico libere para isto.

O doente deve procurar ajuda médica imediatamente caso apresente qualquer um desses sintomas:

  • Qualquer sinal de infecção, como febre, calor ou vermelhidão na área da mama,
  • Dores no peito, batimentos cardíacos incomuns ou falta de ar

Os retornos com o médico serão semanais no início, e depois ficam mais espaçados, de 3 em 3 meses.